O adeus do “mito”

image o adeus do mito O adeus do "mito" imageEssa semana o técnico Bernardinho deu adeus a seleção brasileira e não seria exagero nenhum afirmarmos que ele foi sem dúvida nenhuma não só o maior da história do vôlei mundial como um dos maiores da história do esporte.

O cara simplesmente tem números inacreditáveis somando as seleções feminina e masculina.

Seleção Feminina: Grand Prix de 1994, 1996 e 1998, Sul-Americanos de 1995, 1997 e 1999, Pan-Americano de 1999, Montreux Volley Masters de 1994 e 1995, Vice do Mundial 1994, Bronze nas Olimpíadas de 1996 e 2000, Bronze na Copa dos Campeões de 1997, Prata no Grand Prix de 1999, Bronze na Copa do Mundo de 1999 e Bronze no Grand Prix de 2000.

Seleção Masculina: Olimpíadas de 2004 e 2016, Campeonatos Mundiais de 2002, 2006 e 2010, Copa dos Campeões de 2005, 2009 e 2013, Copas do Mundo de 2003 e 2007, Ligas Mundiais de 2001, 2003, 2004, 2005, 2006, 2007, 2009 e 2010, Pan-Americanos de 2007 e 2011, Sul-Americanos de 2001, 2003, 2005, 2007, 2009, 2011, 2013 e 2015, Copa América de 2001, Vice Campeão da Copa dos Campeões de 2001, Vice Campeão da Liga Mundial de 2002, 2011, 2013, 2014 e 2016, Vice Campeão da Copa América de 2005 e 2007, Prata nas Olimpíadas de 2008 e 2012, Bronze na Copa do Mundo de 2011, Vice Campeão Mundial de 2014, Prata no Pan-Americano de 2015.

Bernardinho o adeus do mito O adeus do "mito" BernardinhoCom esses números, incluindo incríveis 6 medalhas olímpicas consecutivas além de campeonatos mundiais e Ligas Mundiais, Bernardinho transformou o Brasil no time a ser batido no mundo.

Referência mundial, vários técnicos de outros times nos últimos anos afirmaram que só saberiam se o trabalho estava sendo bem feito após enfrentar a seleção brasileira e a maioria deles depois da derrota se desculpavam dizendo que o Brasil estava um degrau acima dos demais, o legado é tão impressionante que o técnico é lembrado por todos como perfeccionista e incansável na busca da perfeição, várias frases célebres pelo caminho e uma que é repetida mundo fora, ” O segredo da vitória é 20% de inspiração e 80% de transpiração.

Bernardinho_charge o adeus do mito O adeus do "mito" Bernardinho chargeSeu jeito temperamental e rígido trouxe alguns desafetos em sua trajetória mas é quase  unanimidade que as cobranças sempre foram necessárias em busca do alto nível, o treinador sabia como poucos mesclar a juventude dos novos talentos com a experiência dos veteranos, a busca sempre para o melhor em todas as situações e um esforço extra nos treinamentos fez com a seleção passasse de um time que não vencia nada ao time que ganhou tudo.

Será lembrado como o cara que cobrava de todo mundo e ao mesmo tempo não brigava com ninguém e que mudou a história do esporte com suas convicções e seus métodos além de ter elevado o nível do esporte mundial, sem sombra de dúvidas um “MITO”.

André Luiz Vasconcelos  –  Canal Itapevi

Fonte: Google, CBV, COI, FIVB, Canal Itapevi. Fotos: Google, Canal Itapevi

Print Friendly, PDF & Email o adeus do mito O adeus do "mito" printfriendly pdf button nobg


André Luiz Vasconcelos

André Luiz de Almeida Vasconcelos, nascido em Recife em 1976 chegou em Itapevi em 1983, estudou no Bemvindo Moreira Nery, CEI e UAB apaixonado por esportes começou a escrever por influência de sua Jornalista e amiga Renata Lutfi, além de colunista do Canal Itapevi trabalha na Prefeitura Municipal de Itapevi.

Artigos relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *