Mais 30 adolescentes foram contratados pelo Programa Conexão Jovem em Itapevi

Jovem-aprendiz-002

Bolsistas integram os 200 candidatos contratados pelo programa nesta edição. Mais 30 estudantes de Ensino Médio regular ou Técnico da rede pública de ensino foram contratados, nessa terça-feira (29), por meio do Programa Conexão Jovem. A chamada completa o quadro de 200 adolescentes que formam a turma de bolsistas desta edição do programa, mantido pela Prefeitura desde 2005.  

A ação – desenvolvida pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho – é uma oportunidade profissional aos jovens da cidade que tenham entre 15 e 18 anos de idade. Eles assinaram contratos com administração municipal e passam a receber bolsa-auxílio no valor de R$ 500 por atuar nos setores públicos no período de 25 horas semanais. Entre os dias 05 a 09 de outubro, os bolsistas iniciarão o curso preparatório que definirá locais de trabalho, conforme a aptidão de cada funcionário.

A partir disso, os jovens contratados serão distribuídos pelas secretarias e departamentos municipais, em especial a setores relacionados à tecnologia da informação. Os novos contratados foram selecionados entre mais de mil candidatos, que participaram de processo seletivo em maio.

“Este programa é uma oportunidade para nossos jovens buscarem construir uma carreira por meio de suas habilidades e aptidões. Para isso, há uma preparação para que se identifique as expectativas profissionais de cada um, e assim seja encaminhado para um departamento compatível”, disse o prefeito Jaci Tadeu.

A cerimônia de assinatura do contrato dos jovens contou com a presença dos secretários Sandra Mendes (Desenvolvimento Econômico e Trabalho) e Fábio Andrade (Administração), além das equipes das Secretarias e dos pais e adolescentes contratados.     

Único na região

Criado em 2005, o projeto Inclusão Jovem oferecia aos estudantes a oportunidade de estagiar nos laboratórios de informática das escolas da rede municipal de ensino de Itapevi. Nos três anos seguintes, o projeto garantiu qualificação a mais de mil jovens da cidade, que tiveram acesso às primeiras experiências profissionais, com apoio da Prefeitura.

A partir de 2009, o projeto foi ampliado e tornou-se um programa de governo, expandindo seu raio da atuação e permitindo que os bolsistas pudessem atuar nos demais setores da Prefeitura.

Print Friendly, PDF & Email


Artigos relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *