Defesa Civil intensificou ações de atendimento à comunidade

10 02_Geral_Seguranca_Foto_BA atuação do grupamento é voltada ao serviço preventivo a acidentes com moradores e tem seu ápice nos meses chuvosos do ano – entre janeiro e abril.

Entre terça (17) e quinta-feira (19), por exemplo, os profissionais da Defesa Civil atenderam um total de 55 ocorrências, entre as quais, reclamação de queda de muros e de árvores e escorregamento de terra.

“O número alto de ações nesses três dias foi fruto das intensas chuvas que atingiram a região no período. Na ocasião, o volume acumulado foi de 91,3 mm de chuva, o que corresponde à média de cerca de uma semana para o mês de janeiro”, comentou o coordenador da Defesa Civil, José Augusto Pereira. Foram registrados alagamentos em doze residências e três imóveis foram interditados pela equipe, que também vistoriou outras 17 edificações na cidade.

Vinculado à Secretaria Municipal de Segurança, a Defesa Civil de Itapevi orienta moradores quanto à ações preventivas a acidentes. O objetivo é multiplicar informações para ações preventivas por parte dos munícipes, visando o menor índice possível de acidentes com vítimas na cidade.

Os acidentes, em geral, são frutos da ocupação irregular e desordenada de áreas como beiras de rios e córregos e em encostas de morros. A falta de estrutura das casas também compromete a segurança de muitas moradias que, com as fortes chuvas que atingem a região entre os meses de novembro e março, podem ser afetadas.

De acordo com o coordenador do grupamento, cuidados básicos como não construir em margens de rios e córregos e em encostas de morros, são de conhecimento de todos, mas sempre devem ser divulgados. “Não se deixe enganar por promessas fáceis e ilusórias para obter um lote ou uma casa em morros ou áreas de risco. Os riscos de desastres são muito altos”, explica o coordenador.

Essas e mais informações sobre cuidados em áreas de risco estão disponíveis no site da Prefeitura (http://www.itapevi.sp.gov.br/noticiasNovo/sec_seguranca/defesa_civil_risco.php).

Print Friendly, PDF & Email


Artigos relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *