Cadelê meu bolo de roda? foi sucesso em Itapevi

21-06 Peca Cia 2 PalhacosMunícipes de Itapevi receberam a peça teatral “Cadelê meu bolo de roda?” A Cia. 2 palhaços, do Vale do Ribeira, encenou peça do Projeto Cultura Caiçara.

Os munícipes de Itapevi puderam acompanhar a peça teatral “Cadelê meu bolo de roda?” – parte do projeto Cultura Caiçara –, e que, com apoio da Prefeitura, foi encenado pelos atores da Cia. 2 Palhaços, no Espaço 930, nas noites de sábado (16) e domingo (17).

O projeto Cultura Caiçara tem por objetivo mostrar a diversidade de costumes e crenças dessa cultura que vem, ao longo dos anos, se perdendo em meio ao crescimento urbanizado das cidades. Durante toda a encenação são usadas palavras típicas da região do Vale do Ribeira, além a efetiva interação dos atores com as danças e músicas do local, por exemplo.

O texto da peça foi baseado em uma pesquisa do cotidiano dos moradores caiçaras da região do Vale do Ribeira, e escrito por Paulo Brassachio e Juliê Faria que interpretam os personagens Juju e Pardal. O bolo de roda, que dá nome à peça, é um prato típico da culinária caiçara, muito apreciado por turistas de todas as regiões.

Os caiçaras também utilizam certas expressões, como: “Cadêle”, que vem da junção de Cadê + ele. Portanto o nome da peça reafirma sua origem e objetivo de difundir a cultura.

Os munícipes puderam se emocionar ao longo da história de Juju – personagem que mora na beira do mar, e que leva uma vida típica de caiçara –, e Pardal – morador de cidade grande e com pouco contato com as raízes culturais. Quando esses dois personagens se encontram acabam trocando experiências que mudarão suas vidas.  

Fotolegenda: Divulgação/PMI

Cia. 2 Palhaços emocionou o público com a peça “Cadelê meu bolo de roda?”

Print Friendly, PDF & Email


Hélton Lima

Hélton Lima, ator, encenador, produtor e professor, fez o curso de formação do ator no Teatro Escola Macunaíma, formado em Letras pelo Instituto de Ensino Superior de Cotia, especializado em Artes Cênicas pela Faculdade Paulista de Artes, certificado em "entrenamiento físico, vocal y puesta en escena" pela premiada cia. Teatro de los andes/Bolívia em 2013. É morador de Itapevi e desde 2003 trabalha com teatro e produção cultural na cidade, sendo de 2003 à 2005 voluntário no Clube de Mães Jardim Rainha e Bela Vista, com um grupo de 30 jovens. A partir de 2005 passou a fazer parte da grande equipe de profissionais do Departamento de Cultura de Itapevi como professor da Escola Municipal de Teatro (nessa época Casa das Artes), de 2009 à 2011 Coordenador da Escola, de 2012 a 2015 diretor da escola, tendo escrito peças, estudos e dirigido diversos espetáculos. Como produtor, é sócio-fundador da Cia. Studio 8 Encena Produções Artísticas, produziu diversos grupos de teatro, "grupo Pretexto", "grupo entrelace" etc.

Artigos relacionados

Filter by
Post Page
Cinema Alimentação e Gastronomia Cidade Política JOSÉ APARECIDO RAMOS – ZECA DA PISCINA JOSÉ APARECIDO RAMOS – ZECA DA PISCINA Educação
Sort by

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *