1º de dezembro, Dia Mundial de Luta Contra a AIDS

19 01_saude_saude_1

Jovens de Itapevi expõem idéias inovadoras sobre prevenção às DST/AIDS. O projeto contou com a participação de 240 adolescentes do programa Conexão Jovem.

Idéias, projetos e campanhas de divulgação sobre o perigo e as formas de prevenção às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) em uma linguagem jovem e moderna. Este foi o resultado de projeto “Adolescente e Juventude – Construindo um Futuro sem DST/AIDS”, realizado por meio de uma parceria de sucesso entre as Secretarias Municipais de Higiene e Saúde e de Educação e Cultura em Itapevi.

Nas últimas semanas, os 240 adolescentes do programa Conexão Jovem foram divididos em 10 grupos para realizar pesquisas, entrevistas e trabalhos de campo sobre DST/AIDS e puderam apresentar propostas inovadoras de tratamento do tema em um encontro promovido nessa quinta-feira (01), data em que se comemora o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS.

A prefeita Dra. Ruth Banholzer e o vice-prefeito Jaci Tadeu fizeram questão de conhecer de perto os projetos criados pelos jovens e aprovaram a iniciativa. “Como médica, fiquei muito feliz de ver este tema, que ainda causa tantas dúvidas na cabeça da sociedade e tanto desconforto nas salas de aula, sendo tratado na linguagem dos jovens, que é um dos principais públicos-alvo das campanhas de conscientização, já que é alto o índice de infecção pelo vírus HIV entre pessoas na faixa etária de 15 a 19 anos”, avaliou Dra. Ruth.

Para o vice-prefeito Jaci Tadeu, ninguém melhor do que um jovem para saber como falar sobre temas da atualidade a outro jovem. “Muitas vezes, é mais fácil seu amigo ouvir você do que ouvir a Prefeitura ou até mesmo os pais dele. Por isso, vocês têm a missão de passar o que aprenderam aos seus amigos. Está também sobre os ombros de vocês a responsabilidade de mudar o futuro deste país”, afirmou o vice-prefeito.

Patrícia Lima Siqueira, de 17 anos, foi uma das jovens que participaram do projeto, e reconhece a importância da ação para a conscientização de milhares de pessoas. “Aprendemos muito mais sobre a importância do uso do preservativo, não apenas para evitar uma gravidez indesejada, mas para prevenir as Doenças Sexualmente Transmissíveis. Agora, se cada um de nós passar esta informação a um amigo, multiplicaremos este conhecimento e reduziremos muito os índices de infecção no Brasil”, comentou.

Ao todo foram produzidos 10 trabalhos que tratam do tema por meio de cartazes, camisetas e outros acessórios, assim como estratégias inovadoras para tornar mais fácil o acesso da população aos preservativos. Tudo em uma linguagem atraente e condizente com o universo juvenil. A intenção da Secretaria de Higiene e Saúde é, a partir deste projeto, utilizar as idéias apresentadas pelos adolescentes em futuras campanhas de conscientização.

Ao fim do encontro, os projetos passaram pela avaliação de uma banca julgadora que levou em conta os critérios layout, originalidade, mensagem, fidelidade ao tema e apresentação. As melhores idéias foram premiadas com passaportes para os parques temáticos Hopi Hari, Parque Aquático Wet’n Wild e Playcenter.

A Prefeitura ainda proporcionou aos adolescentes do Conexão Jovem uma apresentação gratuita da peça “Antilógica Romântica – Um amor no terceiro milênio”. A peça, dirigida por Daniel Bernardes, da Companhia Municipal de Teatro, narrou a historia de um casal que, no momento de um coquetel antiretroviral, enfrenta o drama e a repugnante complexidade de questões geradas pela síndrome mundial do HIV, cuja melhor solução seria evitá-la.

“A discriminação contra soropositivos é a maior barreira no combate à doença. Devemos fazer desta celebração um momento de reflexão, pois, acabar com o preconceito e aumentar a prevenção devem ser hábitos diários em nossas vidas”, explica Dra. Ruth.

Fotolegenda: Divulgação / PMI

1 Dra. Ruth cumprimentou os jovens pelos excelentes trabalhos desenvolvidos

2 O vice-prefeito Jaci Tadeu salientou o papel dos jovens como multiplicadores do conhecimento

19 01_saude_saude_foto_1_A

19 01_saude_saude_foto_1_B

Print Friendly, PDF & Email


Artigos relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *