Prefeitura de Itapevi inicia mutirão contra mosquito Aedes

Ação começa nesta terça (28) e diferente dos anos anteriores acontecerá durante a semana e não mais aos sábados, Itapevi teve o menor índice de casos na região Oeste
A Prefeitura de Itapevi inicia, nesta terça-feira (28), o mutirão anual contra o mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão da dengue, zika, chikungunya e febre amarela.
Diferentemente dos anos anteriores, quando a ação acontecia sempre aos sábados, o mutirão será realizado durante a semana e começa no bairro de Amador Bueno, que receberá a visita dos agentes de saúde nos dias 28 e 29 de janeiro (acompanhe a tabela das ações por bairros).
Os servidores visitarão às casas dessas regiões para passarem informações de controle e vistorias, ver se existe foco do mosquito e, se necessário, realizar a instalação de telas nas caixas d’águas.
Juntamente com os agentes de saúde, o caminhão Cata-Bagulho estará atuando nas ruas visitadas pelo mutirão para recolher móveis velhos e inservíveis de grande porte guardados em casa e que podem acumular água parada.
As ruas visitadas nestes próximos dois dias serão: Bambina Amirabile Chaluppe, Claro Camargo Ribeiro, Campinas, Pinhal, Francisco Rodrigues Paes, Daniel Aragão, Bragança, Taquaritinga, Nova Aliança, Santos, Jales, Palmeiras, Amador Bueno, Pindorama, Brotas, Barueri, Osasco, Jandira, Itapevi, Avaré, Votuporanga, Barra Bonita, Sorocaba, São Paulo, Urupês e Paranaguá.
Em 2019, foram realizados 14 mutirões de combate ao mosquito em Itapevi: 10 mil casas foram visitadas pelas equipes de saúde, 950 caixas d´água foram teladas e 70 criadouros foram eliminados. O Programa Bairro a Bairro também colaborou para esse resultado, com equipes desde outubro nas ruas de diversos bairros, realizando diversos serviços de melhorias e zeladoria urbana, como limpeza das margens de córregos e rios, retiradas de entulhos e madeiras de locais públicos, capinagem em terrenos e calçadas públicas, entre outros serviços.
“A redução nos casos em nossa cidade é fruto de muito trabalho e planejamento de diversas ações Inter secretariais, todos unidos para combater esse grave problema”, contou o Prefeito Igor.
Menor registro
Graças aos esforços da Prefeitura para combater o mosquito Aedes aegypti e à colaboração da população, no ano passado, Itapevi teve o menor registro da doença em toda a região: 34 casos de dengue, contra 98 casos em Barueri, 513 em Osasco e 2.290 em Carapicuíba.
Embora os números itapevienses tenham sido baixos, o estado de São Paulo foi, segundo a Secretaria de Saúde estadual, o responsável por mais de 33% dos casos de dengue seguidos de morte no país, com 400.184 casos registrados, seguidos por 263 óbitos.

 Aedes aegypti

Com hábitos diurnos, o mosquito se alimenta de sangue humano, sobretudo ao amanhecer e ao entardecer. A reprodução acontece em água limpa e parada, a partir da postura dos ovos pela fêmea em diversos criadouros. Por isso, os cuidados contra a proliferação do mosquito devem ser permanentes, durante todo o ano.
Para combater o mosquito, é de extrema importância que a população atenda os agentes de endemias e abra as portas das residências para vistorias de potenciais criadouros do vetor.
O munícipe também deve contribuir com a redução da doença evitando recipientes com água parada através de medidas simples tais como: o lixo deve ser colocado no lixo, o descarte de copos e garrafas devem ser feitos em lixeiras, realizar periodicamente limpeza das calhas, tampar ralos e vasos sanitários.
Outras medidas são: verificar os materiais inservíveis, que devem ser colocados para coleta pública, tampar os tonéis e caixas d´água, manter o lixo em sacos bem fechados, deixar garrafas sempre viradas de boca para baixo, eliminar o prato de vasos de plantas ou usar prato justaposto, limpar com escova ou bucha os potes de água dos animais, retirar a água acumulada atrás da geladeira ou da máquina de lavar, telar e tampar caixas d’água e não deixar acumular água em lajes, uma vez que a maior proliferação de larvas são encontradas nestes reservatórios.

Confira a programação dos mutirões em Itapevi:

Local Data
Amador Bueno 28 e 29 de Janeiro
Vila Gióia 30 de Janeiro
Jardim Santa Rita 31 de Janeiro e 3 de Fevereiro
Cohab 4 de Fevereiro
Alto da Colina 5 de Fevereiro
Parque Suburbano 6 e 7 de Fevereiro
Jardim Rosemary 10 e 11 de Fevereiro
Jardim Briquet 12 de Fevereiro
Chácara Santa Cecília 13 e 14 de Fevereiro
Cardoso 19 e 20 de Fevereiro
Vitápolis 21 e 27 de Fevereiro
Jardim São Carlos 28 de Fevereiro e 2 de Março
Centro 3 de Março

Fotos: Felipe Barros Ex-Libris PMI

Legenda: Agentes de Saúde vão visitar casas durante a semana

Print Friendly, PDF & Email  Prefeitura de Itapevi inicia mutirão contra mosquito Aedes printfriendly pdf button nobg


Artigos relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *