Prefeitura inaugura Centro de Hemodiálise de Itapevi

Moderna unidade terá capacidade para realizar 30 sessões diárias, de segunda a sábado
A Prefeitura de Itapevi inaugurou, na manhã desta quinta-feira (26), o moderno Centro de Hemodiálise de Itapevi, na Vila Santa Rita. Esta é a quarta obra entregue do programa ItapeVida, com 20 ações estabelecidas para transformar a saúde pública do município.
“O meu sofrimento finalmente vai diminuir. Não tenho palavras para descrever o meu sentimento de gratidão”. A afirmação emocionada foi feita por Alverida Ernestina de Oliveira, de 67 anos, moradora do Parque Suburbano, presente no evento de inauguração.
Há cinco anos, Alverida necessita fazer hemodiálise três vezes por semana. Até então, ela fazia o tratamento em Osasco. “Saía de casa cedinho e só voltava à noitinha. Além das horas que passamos na máquina, sofremos com o trânsito parado e não temos descanso. Agora isso vai mudar”, desabafa.
“Foi pensando justamente no sofrimento destes pacientes e familiares que decidimos construir o centro de hemodiálise. O tratamento já é tão doloroso e nada mais justo que oferecer mais conforto e comodidade a estas pessoas”, explicou o prefeito Igor Soares, durante a inauguração da moderna unidade que atenderá 60 pacientes itapevienses.
A prioridade do atendimento é para os pacientes residentes em Itapevi, mas se houver vagas, moradores de municípios vizinhos também serão atendidos. O controle de vagas será realizado pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, como determina a lei.
O atendimento começará escalonado, com 10 cadeiras de hemodiálise, mas o centro tem capacidade para até 30 atendimentos simultâneos.
O tratamento de diálise começa efetivamente em 1º de outubro (terça-feira). A programação do atendimento aos pacientes já começou a ser agendada.
O centro funcionará de segunda a sábado, das 6h às 20h, e realizará por dia 30 sessões de hemodiálise em três turnos diários. Este serviço será prestado pela empresa terceirizada DaVita, vencedora de processo de licitação.
O espaço foi montado com recursos próprios do município e será mantido pela Prefeitura de Itapevi. Os custos para manutenção do centro serão de R$ 370 mil por mês.
O espaço conta ainda com ar-condicionado, televisores e sinal de wi-fi para garantir o conforto dos pacientes durante as horas de tratamento.
Hemodiálise
O tratamento é necessário para pacientes com doença renal em estágio avançado que precisam de diálise contínua ou de um transplante de rim para sobreviver. A hemodiálise consiste no bombeamento do sangue através de uma máquina e um dialisador para remover as toxinas do organismo. O sangue é limpo na máquina e devolvido ao corpo. Todo processo dura cerca de 4 horas e deve ser feito, em média, três vezes por semana.
CIS – Centro Integrado de Saúde
O Centro de Hemodiálise de Itapevi funcionará em uma ala independente do futuro CIS (Centro Integrado de Saúde), que está em fase final de remodelação e será inaugurado no começo de 2020.
Com cerca de 30 especialidades, o CIS possibilitará a realização de consultas com especialistas médicos e exames diagnósticos e preventivos de neurologia, pneumologia, nefrologia, otorrinolaringologia, dermatologia, psiquiatria, cardiologia e ortopedia, além ultrassonografias, colonoscopias e endoscopias, dentre muitos outros.
ItapeVida
A inauguração do Centro de Referência é uma das 20 ações do ItapeVida, programa lançado em julho pela Prefeitura para garantir mais qualidade no atendimento da saúde de Itapevi.
Em todo o Brasil, a área enfrenta problemas crônicos, causados pela falta de financiamento adequado e problemas na gestão – que é compartilhada por Estados, municípios e Governo Federal.
O Itapevida é uma resposta da Prefeitura a esses problemas. Ele foi construído a partir do diagnóstico feito pelo Hospital Albert Einstein, que prestou consultoria à administração municipal ao longo de 2018, sugerindo melhorias e aprimoramentos ao setor.
Confira as ações previstas pelo Itapevida:
Realizadas
1) Entrega de nova frota de ambulâncias
2) Alimentação nos três Prontos Socorros
3) Implementação do novo CAPS Infantil
4) Centro de Hemodiálise

Em andamento
5) Obras de manutenção em 10 unidades de saúde
6) Implementação de unidades modelo
7) Criação da Central de Resgates: SAMU, Bombeiros e Defesa Civil
8) Criação do Centro Integrado de Saúde (CIS)
9) Instalação da Farmácia Central na Praça 18
10) Criação da nova Unidade de Saúde da Família no bairro Chácara Santa
Cecília
11) Entrega da Unidade Móvel de Saúde
12) Contratação de médicos e profissionais de saúde
13) Atendimento expandido até às 19h nas USF’s Vitápolis e Suburbano

Em projeto
14) Reforma e Ampliação do PS Central
15) Criação do PS Infantil
16) Construção do novo PS Amador Bueno
17) Construção do novo PS Cardoso
18) Criação de CAPS Álcool e Drogas 24h
19) Construção de UBS na Cohab
20) Construção de UBS no Jardim Briquet

Crédito: Felipe Barros – Ex Libris – PMI
Legenda: Centro moderno de Hemodiálise vai atender 60 pacientes nesse primeiro momento
Print Friendly, PDF & Email  Prefeitura inaugura Centro de Hemodiálise de Itapevi printfriendly pdf button nobg


Artigos relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *